• marketing11399

3 cuidados necessários na infraestrutura em nuvem

Para arquiteturas de nuvem, três cuidados são indispensáveis para que você não perca muitas horas e dinheiro:


Superdistribuição


🆘 Só porque podemos desacoplar aplicativos e componentes de dados e executá-los em todos os lugares por meio de sistemas conectados à rede, não significa que devemos fazê-lo. As arquiteturas de nuvem são especialmente suscetíveis a esse erro, considerando a facilidade de provisionar todos os tipos de plataformas em diferentes nuvens e ter um caminho fácil para conectá-las. Os resultados são bem conhecidos: latência e confiabilidade ruins.


✅ Portanto, localize sempre o processamento e o armazenamento de dados para os mesmos aplicativos e armazenamentos de dados o mais próximo possível. Isso normalmente significa intracloud, mas também pode significar intraplataforma na mesma nuvem.


Segurança


🆘 Não deixe a segurança para a última etapa. Se você fizer isso com um projeto de nuvem, criará um sistema de segurança para um aplicativo e/ou armazenamento de dados que é ótimo na melhor das hipóteses e extremamente inseguro na pior.


✅ A segurança deve ser considerada em todas as etapas. Embora acrescente complexidade e custo aos processos de design e construção do sistema, a segurança eficaz é sistêmica para o aplicativo, os armazenamentos de dados, a plataforma e a nuvem de hospedagem.


Mudanças na arquitetura


🆘Vinte anos atrás, não criamos aplicativos com mudanças em mente. Agora estamos pagando o preço, pois esses aplicativos precisam ser refatorados para migrar para a nuvem pública ou ser aumentados de outras maneiras.


✅ Arquitete pensando no futuro. SOA (arquitetura orientada a serviços) nos ensinou que projetar para a mudança é pagar grandes dividendos no futuro. Isso significa colocar as coisas que mudam em domínios, como microsserviços que podem mudar com frequência, mas não necessariamente forçando mudanças sistêmicas em todo o aplicativo


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo